Baiana System e Nação Zumbi lançam single ‘Alfazema’

As duas potências sonoras brasileiras se uniram para lançar um single conjunto na última sexta-feira.

Baiana System e o Nação Zumbi são no palavriado de Pupillo do Nação, produtor da faixa, “duas potências que se admiram e se misturam em harmonia”. O primeiro fruto dessa união tão potente é a canção Alfazema, nome inspirado numa espécie de perfume de lavanda espalhado tradicionalmente nas ruas de Salvador pelo bloco Filhos de Gandhi, trazendo proteção. Reza a lenda pelas ruas da Bahia, que a alfazema é o aroma predileto de Iemanjá, orixá celebrada no dia 02 de fevereiro, justamente a data de lançamento da música.

No entanto, se a junção de Baiana System e Nação Zumbi é motivo de empolgação na certa, o single – composto pelos baianos Russo Passapusso e SekoBass e os pernambucanos Jorge Du Peixe, Dengue, Lucio Maia e Pupillo – deixa um cado a desejar.

Alfazema não faz dançar. Faltou swing. Faltou a batida forte das alfaias do Nação. Os riffs de guitarra são fracos se comparados com os anteriores do Baiana, também não carregam os drives que os pernambucanos costumam usar. Não tem na música situações de “explosão” (pense numa “montanha-russa”, onde o arranjo começa com menos energia, depois sobe e explode no refrão) – recurso muito usado pelas duas bandas, que fez com que o Baiana, principalmente, encantasse multidões. A faixa apresenta mais uma versão da interessante hibridação de guitarras elétricas, sintetizadores e batucada brasileira, mas não tem a pega e a energia que Nação e Baiana costumam entregar em suas obras.

A impressão que fica é que a canção travou numa ideia de sintetizadores burocráticos e linhas de voz pouco criativas. Mas não é ruim, inclusive está mais perto de ser boa. É que, do encontro entre as usinas de som do Baiana System e do Nação Zumbi, não esperávamos menos que uma pancada.

Ficha Técnica:

Alfazema (Russo Passapusso / Jorge Du Peixe / SekoBass / Pupillo / Dengue / Lúcio Maia)
Produzida por: Pupillo
Arranjo de Base – Pupillo, SekoBass e Dengue
Voz – Russo Passapusso
Voz – Jorge Du Peixe
Guitarra baiana – Beto Barreto
Guitarra – Junix
Guitarra – Lúcio Maia
Baixo – Dengue
Synth, effct, fx – João Meirelles
Programação, Synth – SekoBass
Efeitos, Caixa – Pupillo
Percussão – Toca Ogan, Gustavo Da Lua, Tom Rocha e Marcos Matias.
Selo: Máquina de louco / Babel Sunset – licenciado para slap

Ouça “Alfazema” no YouTube:

Ouça “Alfazema” no Spotify:

Deixe uma resposta