Ciro Gomes e a “divisão da esquerda”

Os petistas dizem que Ciro Gomes está ”dividindo a esquerda” com as críticas que faz a Lula.

Ora, eu não faço questão alguma do epíteto de ”esquerda”. Sou um patriota, adepto do trabalhismo e da tradição nacional-popular de Vargas.

Mas o que os petistas chamam de esquerda? O PT ficou treze anos no governo abraçado às políticas neoliberais de Meirelles, Marcos Lisboa e até mesmo J. Levy.

Tornou o país refém de um restrito cartel de bancos, não alterou em nada a estrutura econômica herdada de Fernando Henrique Cardoso e Armínio Fraga.

Seus programas sociais mais visíveis são tributários da Escola de Chicago. O perfil da dívida pública continuou o mesmo, a desindustrialização avançou.

O PT vendeu para as classes populares o ”sonho da nova classe média”, nos tornou dependentes de commodities, e bancou a farra do nacional-consumismo tendo por base uma ”economia de shopping center”, enquanto nossa produtividade estancava.

As alianças de Lula foram com a pautas de determinada classe média, para a qual ”progresso” é sinônimo de droga, aborto, combate aos valores e à religiosidade popular.

Se isso é ser de ”esquerda”, então o epíteto vale de quê? Se unir a essas agendas acima é ferir de morte qualquer tentativa de tirar o Brasil das mãos dos entreguistas neoliberais, dos ianques e dos sionistas.

Todo e qualquer nacionalista que ainda não concluiu que o caminho é se desvincular desses movimentos, dos quais o petismo é voz e símbolo, continua com a cabeça nas nuvens em vez de mergulhar na concretude da verdadeira luta política de nossos tempos.

Por Andre Luiz Dos Reis

6 Comentários

  • União das esquerdas para o PT significa todos prestando vassalagem ao mesmo; se fazem coligação, com outro partido indicado o candidato a prefeito, por exemplo, eles é que devem dizer quem é o candidato do outro partido, mesma coisa para vice, etc.etc.

    8

    0

  • O único que quer a divisao da esquerda é Ciro! É como sempre, pra proveito próprio, Ciro teme Lula, este sim quer a união da esquerda. Se envergonhe seu Fujão, por culpa sua estamos nesse impasse…

    0

    13

    • Lula quer a união das esquerdas como fez no ano passado? Quer a união das esquerdas para manter o PT no comando? Ora, o PT já foi governo por 14 anos. Se envergonhe vocês, petistas! O Brasil precisa de um novo projeto e um presidente de esquerda sim, mas de OUTRO partido. Chega de PT. Nem a esquerda aguenta mais tanta arrogância!!

      1

      0

  • ciro, esqueça o pt siga seu caminho… no final vamos ver quem vai ter mais garrafa para vender, mas já vou adiantando, pt foi, é e será o maior partido do pais independente do espectro ideológico, está um abismo a frente do segundo colocado na preferência nacional, não me recordo se o pmdb com o p de propina escondido ou se o psdb que não sabe o que faz com o s de social.

    0

    9

  • Ciro é o único com elucidação nas palavras e tbm nas ações no atual momento político e econômico do país por isso aqueles que insistem em permanecer nos mesmos erros ficam bravinhos .

    1

    0

  • O PDT hoje tem mais prefeituras do que o PT. Porém, isso não importa. O que importa é que não é saudável para a democracia termos sempre o mesmo partido de esquerda no governo. E o PT já foi governo por 14 anos. Se vc não trata política como campeonato de futebol, no qual vc escolhe um time pra torcer e acha que esse time tem que ganhar tudo, então vc há de concordar que precisamos de renovação. Repetir o PT seria terrível, até porque o próprio Lula já foi presidente por 8 anos. Agora é a vez de Ciro Gomes e do seu Projeto Nacional de Desenvolvimento.

    1

    0

Deixe uma resposta