Datafolha: Haddad e Ciro estão empatados no 1º turno; só Ciro ganha de Bolsonaro no 2º turno

Saiu na madrugada desta quinta-feira (20) o resultado da mais recente Pesquisa Datafolha de intenções de votos. Foram ouvidos 8.601 eleitores em 323 municípios brasileiros, durante os dias 18 e 19 de setembro de 2018. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. O levantamento foi encomendado pela Folha de S. Paulo e pela TV Globo.

PESQUISA ESTIMULADA

Jair Bolsonaro (PSL) segue na liderança das pesquisas, com 28% das intenções de voto. Oscilou positivamente 2% em relação à anterior do mesmo instituto. Fernando Haddad (PT), que no último levantamento tinha crescido 4%, aumentou 3% e está com 16% das intenções. Haddad está empatado tecnicamente com Ciro Gomes (PDT), que tem 13%.

Geraldo Alckmin (PSDB), com quase metade do tempo de TV, permanece estagnado com seus 9% das intenções, enquanto Marina Silva (Rede) teve queda de 2% e está com 7%.

João Amoêdo (Novo) e Alvaro Dias (Podemos) aparecem com 3%, Henrique Meirelles (MDB) com 2% e Vera Lúcia (PSTU) e Guilherme Boulos (PSOL) têm, cada um, 1%. Cabo Daciolo (Patriota), João Goulart Filho (PPL) e Eymael (DC) não pontuaram. Branco/nulos foram 12% e não sabe/não respondeu, 5%.

Evolução da Pesquisa Datafolha Estimulada. Fonte: Datafolha

PESQUISA ESPONTÂNEA

Quando não é apresentada uma lista de candidatos aos eleitores, Bolsonaro foi mencionado por 24% dos entrevitados,  Haddad por 11%, Ciro por 7%, Geraldo Alckmin 3% e Marina, em queda em relação ao levantamento anterior, por 1%.

Evolução da Pesquisa Datafolha Espontânea. Fonte: Datafolha

REJEIÇÃO

Bolsonaro continua com a maior rejeição, o que reflete nos cenários de segundo turno. 43% dos eleitores afirmam não votar de jeito nenhum no capitão. Na sequência, vem Marina, com 32% de rejeição, seguida por Haddad, cuja rejeição cresceu de 26% para 29%. Alckmin tem 24% do índice, e Ciro Gomes é o candidato com a menor rejeição, dentre aqueles mais bem posicionados nas pesquisas, ficando com 22%.

Evolução da Rejeição nas Pesquisa Datafolha. Fonte: Datafolha

Entre as mulheres, Bolsonaro tem 49% de rejeição, Haddad 24% e Ciro Gomes 18%. Entre os jovens (16 a 24 anos), Bolsonaro tem 55% de rejeição, Haddad 22% e Ciro 19%.

MUDANÇA DE VOTO

Dos eleitores entrevistados, 40% dizem que podem mudar o voto. Entre eles, 15% apontam que Ciro seja a segunda opção, 13% optam por Marina, 12% indicam Haddad e Alckmin e 11% mudariam para Bolsonaro.

Ciro Gomes, portanto, lidera como segunda opção entre os eleitores.

SEGUNDO TURNO

Ciro Gomes é o único candidato que ganha de Bolsonaro fora da margem de erro, segundo a pesquisa. Nos outros cenários, Bolsonaro empata com Haddad, Alckmin e Marina. Ciro é, ainda, o único que venceria em todos os cenários de segundo turno apurados. Vejamos:

Ciro 45% x 39% Bolsonaro (branco/nulo: 14%; não sabe: 2%)

Bolsonaro 42% x 41% Marina (branco/nulo: 16%; não sabe: 2%)

Alckmin 40% x 39% Bolsonaro (branco/nulo: 19%; não sabe: 2%)

Haddad 41% x 41% Bolsonaro (branco/nulo: 15%; não sabe: 2%)

Ciro 41% x 34% Alckmin (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)

Ciro 45% x 31% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)

Ciro 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Alckmin 39% x 36% Marina (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)

Alckmin 39% x 35% Haddad (branco/nulo: 24%; não sabe: 3%)

Marina 37% x 37% Haddad (branco/nulo: 24%; não sabe: 2%)

 

 

Deixe uma resposta