Datafolha: Lula lidera com 39%; sem Lula, Ciro e Marina dobram as intenções de voto

Foi divulgado hoje (22/08) o primeiro levantamento do Datafolha após os registros das candidaturas presidenciais para as eleições de 2018. No total, foram ouvidos 8.433 eleitores de 313 municípios brasileiros, entre os dias 20 e 21 de agosto.

A pesquisa tem margem de erro de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos, e nível de confiança de 95%.

O ex-presidente Lula (PT), preso desde o dia 7 de abril, registrou sua candidatura no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), tendo Fernando Haddad como seu vice.  A tendência, entretanto, é que Lula seja impedido de disputar a eleição. Foram apresentados diversos pedidos de impugnação de sua candidatura.

Na segunda-feira (20/08), o Ministério Público Eleitoral (MPE) voltou a se manifestar contra a candidatura do ex-presidente, num parecer assinado por Humberto Jacques de Medeiros, procurador-geral eleitoral, baseado na Lei da Ficha Limpa. No mesmo processo, Raquel Dodge, procuradora-geral da República e procuradora-geral eleitoral, já havia contestado a candidatura de Lula.

O pedido do registro de candidatura do ex-presidente será julgado pelo TSE e terá como relator o ministro Luís Roberto Barroso.

Vejamos os cenários com e sem Lula como candidato na disputa.

CENÁRIO COM LULA

No cenário em que Lula concorre, o ex-presidente lidera com 39% das intenções de voto, seguido por Jair Bolsonaro (PSL), com 19%. Marina Silva (Rede) aparece com 8%, Geraldo Alckmin (PSDB) com 6%, Ciro Gomes (PDT) com 5%, Alvaro Dias (Podemos) com 3% e João Amoêdo (Novo) com 2%.

Henrique Meirelles (MDB), Guilherme Boulos (PSOL), Cabo Daciolo (Patriota) e Vera Lúcia (PSTU) aparecem com 1%. João Goulart Filho (PPL) e José Maria Eymael (DC) não pontuam.

Neste quadro, os votos nulos e brancos somam 11 % e os indecisos são 3 %

Ainda, o Datafolha apontou que 48% dos entrevistados não votariam em um candidato apoiado por Lula, enquanto 31% afirmaram que votariam com certeza e 18% talvez votariam em um nome apontado pelo ex-presidente.

Pesquisa Datafolha cenário com Lula

CENÁRIO SEM LULA

Sem o ex-presidente Lula, Jair Bolsonaro (PSL) lidera com 22% das intenções de voto, seguido por Marina Silva (Rede), que tem 16%. Empatados tecnicamente no terceiro lugar, estão Ciro Gomes (PDT), com 10%, e Geraldo Alckmin (PSDB), com 9%. Ciro e Marina, então, dobram suas porcentagens de intenção de votos.

Fernando Haddad (PT), como possível sucessor de Lula diante da impugnação do registro da candidatura do ex-presidente, não consegue concentrar os votos lulistas e aparece com 4% das intenções de voto, empatado com Alvaro Dias (Podemos), em quinto lugar. Henrique Meirelles (MDB) e João Amoêdo (Novo) aparecem com 2% cada.

Com 1% aparecem Cabo Daciolo (Patriota), Guilherme Boulos (PSOL), Vera Lúcia (PSTU) e João Goulart Filho (PPL). José Maria Eymael (DC) não pontua.

Neste cenário, o índice de votos brancos e nulos é de 22%. Os indecisos somam 6%.

Pesquisa Datafolha cenário sem Lula

REJEIÇÃO

Segundo o levantamento do Datafolha, apesar de já ter consolidado 22% dos votos, Bolsonaro é o candidato que apresenta maior rejeição: 39% dos entrevistados afirmaram que não votariam nele “de jeito nenhum”, o que reflete na disputa do segundo turno. O candidato do PSL é seguido por Lula, que apresenta 34% de rejeição. Alckmin soma 26%, Marina 25%, Ciro 23% e Haddad 21%.

SEGUNDO TURNO

O Datafolha apresentou 10 possíveis cenários de segundo turno. Bolsonaro, que lidera as intenções de voto sem a presença de Lula, é derrotado na maioria das simulações, vencendo apenas Haddad (38% a 29%).

Alckmin venceria Bolsonaro (38% a 33%), Ciro (37% a 31%) e Haddad (43% a 20%).

Marina venceria Bolsonaro (45% a 34%) e Alckmin (41% a 33%).

Entre Ciro e Bolsonaro há um empate técnico, com 38% do ex-governador do Ceará contre 35% de Bolsonaro. Numericamente, contudo, Ciro está à frente de Bolsonaro.

Já Lula venceria todas as disputas de segundo turno, derrotando Alckmin (53% a 29%), Marina (51% a 29%) e Bolsonaro (52% a 32%).

 

3 Comentários

Deixe uma resposta