Gleisi Hoffmann, Ciro Gomes e o pedido de desculpas

Por Thomas de Toledo – Se a Gleisi Hoffmann quer que Ciro Gomes peça desculpas pelas críticas ao PT, que seu partido comece dando o exemplo e faça a autocrítica pelo estelionato eleitoral de 2014 e pela mentira de 2018 que ajudou Bolsonaro a vencer as eleições.

Pra quem não se lembra, em 2014, Dilma disse “não cortarei direitos trabalhistas nem que a vaca tussa”. Quando ela foi reeleita, editou a MP 665 que restringia o seguro-desemprego, o abono salarial e o seguro defeso. Dilma prometeu que faria um governo diferente do que propunha Aécio Neves, mas ao nomear Joaquim Levi pra economia, adotou uma política de arrocho e de corte de investimentos sociais. O resultado foi desemprego subindo de 5,30% para 8,20% (segundo a PME) e de 6,5% para 10,9% (segundo a PNAD); a inflação passou de 5,90% para 9,28% ano; o PIB que crescia 7,53% passou a decrescer -3,90% ao ano; a subida dos juros foi retomada (ela começou o governo com 8,75% em 2010 e entregou 14,25% em 2016); isso tudo fez com que a dívida interna crescesse mais de 70%. Pra coroar, tivemos a reveladora declaração de Gilberto Carvalho no documentário “O processo”, no qual ele fala que Dilma deliberadamente evitava os movimentos sociais para não assustar o “mercado”.

Veio o golpe e a chance de derrotar os golpistas em 2018 passava por uma articulação de uma frente de salvação nacional. Em vez disso, Lula preferiu mentir que seria candidato até o fim, msmo sabendo que a Lei da Ficha Limpa que ele mesmo sancionou o impedia. Assim, ele impossibilitou o apoio a um candidato que não tivesse a rejeição que o petismo carregava e pior que isso: lançou Haddad na última hora sem dar tempo de trabalhar a imagem dele. Pra piorar ainda mais, trabalhou pra isolar o PDT, anular o PSB e chantagear o PCdoB. O resultado todos vimos: Bolsonaro ganhou, a esquerda está esfacelada e o PT não está protagonizando a disputa municipal em NENHUMA cidade importante do Brasil.

Por Thomas de Toledo - Se a Gleisi Hoffmann quer que Ciro Gomes peça desculpas pelas críticas ao PT, que seu partido comece dando o exemplo e faça a autocrítica pelo estelionato eleitoral de 2014 e pela mentira de 2018 que ajudou Bolsonaro a vencer as eleições.

Portanto, os erros do PT foram fundamentais sim para que Bolsonaro fosse eleito. Não adianta tapar o sol com a peneira e fazer discurso vitimista de que a culpa é de todo mundo menos do PT e ficar santificando Lula e Dilma como se não tivessem responsabilidade de nada. Desde que tirei meu título de eleitor sempre votei em Lula ou Dilma, mas o que o PT fez nas duas eleições precisa ser criticado e muito. Já que este partido não tem a ombridade de reconhecer seus próprios erros, que isso seja feito por quem tem pensamento crítico e não comportamento de rebanho, seguindo messianicamente o que Lula fala como se ele fosse “a voz de Deus que é a voz do povo”.

O PT é um partido importante pra derrotar o bolsonarismo. Mas ele precisa entender que como demonstrou Copérnico e Galileu, é o sol que está no centro do sistema solar e não a estrela petista. O PT pode compreender isso pelo bem ouvindo o que ex-aliados têm a dizer. Mas também pode compreender pelo mal ao ser engolido pelo processo histórico como está acontecendo nessas eleições.

Por: Thomas de Toledo.

3 Comentários

  • Não adianta. O PÊTÊ não aprende. Nunca descerá do salto alto da arrogância, da prepotência, do caudilhismo, do egocentrismo. Eles cometem erros, se orgulham disso e insistem no erro. Ciro Gomes estava certíssimo quando chamou Lula de “sombra de mangueira”: o sapo barbudo não deixa nada crescer sob essa sombra e ainda deixa cair as mangas podres no chão. Depois não sabem porque a extrema-direita está no poder e ainda culpa os seus “aliados” pela derrota.

    1

    0

  • Ciro Gomes não deve desculpas a ninguém. Até porque suas críticas são apenas isto: críticas. E críticas justas e embasadas.

    Quem REALMENTE deve desculpas ao povo brasileiro, que diz da boca pra fora amar e querer defender, é quem preferiu entregar o país de bandeja a um lunático (pra ficar numa palavra suave) da pior estirpe por causa da sua egolatria megalomaníaca.

    Tá mais que na hora de cada um assumir as suas responsabilidades. Para alguns, essa hora já passou, a bem da verdade. Estão aí as eleições municipais que não me deixam mentir…

    1

    0

Deixe uma resposta