Lula acena para Ciro e Doria para tentar sair do isolamento

O mundo político acordou com uma novidade no tabuleiro. O antipetista ferrenho e governador de São Paulo, João Doria, aceitara o afago – via Twitter- do insuspeito antitucano e ex-presidente Lula.

Lula está isolado como nunca. Possui um eleitorado cativo e credibilidade internacional, porém, sua interlocução com o poder é quase nenhuma. Lula não é ouvido por ninguém da elite mais e com o esvaziamento do “Lula Livre” sua imagem voltou à dubiedade de outrora. Em gestos de recuo, fez aceno ao governador paulista e até mesmo ao seu rival no campo progressista, Ciro Gomes.

Lula acena para Doria para tentar sair do isolamento 2

A resposta amigável ao aceno, dada pelo governador paulista, evidencia uma postura que provavelmente será norteadora da campanha de João Doria em 2022: O “centrismo moderado” que dialoga com todos em prol do Brasil.

Doria percebeu que o campo conservador está superlotado. Bolsonaro, apesar de não estar nos melhores dias, ainda possui muita força neste campo. Correndo ao lado e louco para tomar a dianteira, Sérgio Moro não se contentará em ser o cão de guarda do Bolsonarismo por muito tempo. As pesquisas indicam que o ex-juiz continua com a popularidade em dia. O próprio Witzel, terceiro reserva do campo ultraconservsdor, já se mostrou mais apto a assumir o trono do que o governador de São Paulo. O gosto pelo sangue e a fé evangélica o mantém mais próximo do eleitorado do que João.

Doria não é burro. Observando o cenário que se avizinha, compreendeu que se ainda quiser ter alguma chance em 2022, deverá apontar seu barco à esquerda. Não tentando substituir os quadros que já estão estabelecidos, mas portando-se como uma terceira via. Um Macron verde e amarelo. Globalista, liberal e centrado.

Lula acena para Doria para tentar sair do isolamento 2

O tiro de Doria não parece ter agradado os setores da imprensa que estavam doidos para embarcar de cabeça na sua campanha. A insuspeita Vera Magalhães, em companhia de outras figuras da imprensa tucana, apontou suas armas ao governador paulista após o aceno ao lulismo. O antipetismo ainda é mola propulsora do moralismo da grande imprensa brasileira.

É muito cedo para cravar que a atitude de Doria foi desastrosa. O Brasil segue sem rumo e vive sua pior crise do século. Ninguém sabe como o humor do brasileiro vai reagir após assistir a morte de milhões de compatriotas.

Doria está disposto a jogar. Lula está doido pra voltar ao jogo.

Lula acena para Doria para tentar sair do isolamento 2

6 Comentários

  • Eu quero Ciro Gomes presidente em 2022 como também quis em 2018. Estamos juntos. Vamos ler o eleitor brasileiro e levar o melhor projeto de desenvolvimento nacional ao planalto.

    10

    0

  • Tamo juntas, Ciro e a unica saida!!!DONO UMA VOZ honesta , integra e verdadeiramente Patriota, que o Brazil PRECISA E MERECE!!!

    8

    0

  • Certamente o pós-coronavírus afetará de alguma forma o cenário geopolítico mundial. Não sabemos se a corda irá esticar mais à esquerda do que para a direita. Esperamos que estique para o lado do humanismo, onde as boas práticas do capitalismo e do socialismo prevalecerão sobre a especulação financeira e sobre o fundamentalismo religioso. Isso acontecendo, Ciro Gomes terá grandes chances de sentar no trono do Palácio do Planalto. Ele merece; nós merecemos.

    1

    0

Deixe uma resposta