O Núcleo Popular Revolucionário do PDT não é uma corrente interna

Por Breno Vellozo – O Núcleo Popular Revolucionário do PDT, vem a público, através dessa nota de esclarecimento, reforçar os seguinte pontos:

-Não somos e não temos o objetivo de ser uma Corrente Interna do Partido, bem como não somos uma organização a parte do PDT. Somos auxiliares ao PDT, somos parte do Partido e contribuímos com o projeto nacional do Partido.

-Nós compreendemos que o PDT não é um Partido Comunista, tampouco Marxista. Porém compreendemos que o Trabalhismo é o caminho Brasileiro ao Socialismo, como disse Kim Il Sung, “O Socialismo deve se adaptar cada qual a realidade nacional e temporal, não é uma força dogmatica.”. Apoiamos experiências Socialistas Internacionais e nos inspiramos, porém somos trabalhistas e estudamos como base o Marxismo.

-Não temos ligação com qualquer outro partido. Nossa ligação é unicamente com o PDT e rejeitamos a forma que esses outros partidos conduzem o Socialismo.

– O PDT, o Trabalhismo, e as origens partidarias não são anticomunistas, antisocialistas e afins, muito pelo contrário: Já inumeras vezes defenderam o modelo Socialista e são os principios partidários. A quem acha que são ideias adversas, recomendo que leiam Quelch, Plekhanov, Darcy Ribeiro e afins.

Lições de Getúlio Vargas, explicitando a corrente trabalhista-nacionalista, no discurso de 29.11.1946:

Impera no Brasil essa democracia capitalista, comodamente instalada na vida, que não sente a desgraça dos que sofrem e não percebem, às vezes, nem mesmo o indispensável para viver. Essa democracia facilita o ambiente propício para a criação dos trustes e monopólios, das negociatas e do câmbio negro, que exploram a miséria do povo. Tira o que foi cedido ao Estado para entregar ao monopólio de empresas particulares.

Ou a democracia capitalista, compreendendo a gravidade do momento, abre mão de suas vantagens e privilégios, facilitando a evolução para o socialismo, ou a luta se travará com os espoliados, que constituem a grande maioria, numa conturbação de resultados imprevisíveis para o futuro. Essa espécie de democracia é como uma velha árvore coberta de musgos e folhas secas. O povo um dia pode sacudi-la com o vendaval de sua cólera, para fazê-la reverdecer em nova primavera, cheia de flores e de frutos. A velha democracia liberal e capitalista está em franco declínio porque tem seu fundamento na desigualdade. A ela pertencem, repito, vários partidos com o rótulo diferente e a mesma substância. A outra é a democracia socialista, a democracia dos trabalhadores. A esta eu me filio. Por ela combaterei em benefício da coletividade” (Getúlio Vargas, 29/11/1946).

“Desejo apenas, antes de me afastar da vida pública, deixar no Partido Trabalhista Brasileiro um componente novo, uma força de equilíbrio que atenda às aspirações dos trabalhadores e eleve a nossa cultura como a expressão doutrinária do socialismo brasileiro.” Getúlio Vargas.

Por Breno Vellozo, Secretário Geral do NPR-PDT.

O Núcleo Popular Revolucionário do PDT não é uma corrente interna pdt revolucionário pdt

Deixe uma resposta