CARLOS LUPI: PDT, PSB, PV e Rede decidem apoiar impeachment juntos

PDT, PSB, PV e Rede, após reunião de suas direções realizada por videoconferência no início da noite de hoje, decidem conjuntamente apoiar as iniciativas de cada partido e sua respectiva bancada pelo impeachment do atual presidente Jair Bolsonaro.

O presidente tem demonstrado total desapreço à democracia, à Constituição Federal e aos poderes constituídos da República, bem como à ciência e à saúde do povo brasileiro. Nas últimas semanas, Bolsonaro tem incitado o desrespeito às orientações da Organização Mundial da Saúde a respeito da pandemia de Covid-19, estimulando, assim, a contaminação de milhares de pessoas.

Após demitir seu Ministro da Saúde unicamente por este seguir as orientações científicas mundiais, Bolsonaro cria hoje uma nova crise política ao exonerar o diretor-geral da Polícia Federal, sem nenhuma justificativa e, de acordo com o ex-ministro Sérgio Moro, com a intenção de influenciar pessoalmente nas atividades e investigações da PF.

O discurso do presidente no final da tarde, transmitido em rede nacional, não apresentou consistência alguma. Bolsonaro ocupou a maior parte do tempo elencando assuntos familiares, esquecendo-se de que, antes do chefe de família, deveria ser o chefe de Estado da nação brasileira. O presidente mostra, a cada dia, não estar minimamente à altura do seu cargo, em especial no momento delicado pelo qual passam o Brasil e o mundo.

PDT, PSB, PV e Rede se mantêm unidos em defesa da democracia, das instituições republicanas e da saúde do povo brasileiro.

Por Carlos Lupi

CARLOS LUPI PDT, PSB, PV e Rede decidem apoiar impeachment juntos

3 Comentários

Deixe uma resposta