RICARDO CAPPELLI: Pronunciamento de Bolsonaro – Dois fascistas trocando tiros

1 – Reconheceu o tamanho político de Moro. Levou todos os Ministros. Ministro da Defesa e Guedes (descalço rs) ao lado. Sentiu o tranco.

2 – Bolsonaro foi pra cima, chamou Moro de mentiroso, personalista e oportunista. Mandou ele disputar eleições. Acusação de negociação para o STF é desmoralizante, tem ar de chantagem.

3 – Moro, perto de Mandetta, saiu mal, deselegante, quadrado. Mas pode ter gravações e ressuscitar. Será?

4 – O PGR instaurou inquérito para apurar as declarações de Moro. Se o ex-ministro tiver provas pode complicar o presidente. Do contrário, Moro será processado. Circula que Aras deseja a vaga no STF.

5 – O Capitão falou para caminhoneiros, taxistas, evangélicos, policiais e outros de sua base. Forneceu munição para a sua tropa entrar em campo.

6 – Com dois fascistas trocando tiros, não há dúvida, o Brasil sai ganhando.

RICARDO CAPPELLI Pronunciamento de Bolsonaro - Dois fascistas trocando tiros

1 Comentário

  • O Ministro da Justiça e o presidente da República não têm permissão para decidir quais casos devem ou não ser investigados. Sendo assim, a Polícia Federal possui autonomia investigativa.

    0

    0

Deixe uma resposta